Telefone: (11) 98488-2190
WhatsApp: (11) 98488-2190

 

Você sabe montar um dashboard com dados do Protheus 12?

Nesse artigo, trago a primeira aula da nova série sobre o Power BI, ferramenta que está revolucionando o mercado. 

Se você é novo por aqui, então, sugiro que assista a nossa primeira sequência de apenas 5 aulas, sobre essa mesma ferramenta.

Objetivo de criar o dashboard com dados do Protheus

Em resumo, o objetivo dessa nova série é ensinar como se transforma um relatório do Protheus em um dashboard.

Nós utilizaremos o relatório gerado pelo Protheus, pois temos a certeza de que as informações contidas nele estão de acordo com a base de dados do sistema.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Modelo de relatório do Protheus

Figura 1 – Modelo de relatório do Protheus.

Afinal, você está emitindo um relatório padrão do Protheus.

Nesse artigo, iremos utilizar como exemplo o relatório “Relação de Pedidos de Vendas”, para transformá-lo em um dashboard como este:

Dashboard com Dados do Protheus 12: Modelo de Dashboard.
 Figura 2 – Modelo de Dashboar.

Note que esse dashboard é legal, porque possui diversos elementos, por exemplo:

  • Fundo; 

  • Cartões;

  • Gráficos;

  • Filtros.

Perceba que, conforme eu altero o filtro, as informações dos meus quatro gráficos também mudam.

Como transformar o relatório em Planilha?

Para criar aquele dashboard que acabamos de ver, teremos que seguir uma série de passos.

Primeiramente, temos que abrir o Protheus.

Note que eu estou no modulo de faturamento para visualizar o relatório que iremos trabalhar durante essas aulas.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Relatório

Figura 3 – Relatório “Relação de Pedidos de Vendas”

Vou deixar para explicar os campos desse relatório na próxima emissão, quando ele estiver aberto no formato planilha Excel.

Uma dica: o procedimento que iremos utilizar é o mesmo da aula de Excel, portanto, se você não acompanhou essa aula, deixarei o link aqui.

Então, nós iremos sair da aba desse relatório e voltaremos para a página de relatórios gerais.

Em seguida, selecionamos a opção “Pedidos a faturar”, aparecendo na sua tela uma janela chamada “Relação de Pedidos de Vendas”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Janela “Relação de Pedidos de Vendas”.

Figura 4 – Janela “Relação de Pedidos de Vendas”.

Nessa janela, irei selecionar a opção “Planilha”, para que o relatório tenha um padrão melhor e eu consiga trabalhar no Power BI.

 Dashboard com Dados do Protheus 12: Selecionando a opção “Planilha”.

Figura 5 – Selecionando a opção “Planilha”.

Atenção: você precisa escolher a opção “Formato de tabela”, na configuração de “Tipo de Planilha”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Escolhendo a opção “Formato de tabela.

Figura 6 – Escolhendo a opção “Formato de tabela.

Se você não escolher a configuração “Formato de tabela”, você terá alguns problemas.

Em seguida, você clica em imprimir.

Logo após confirmar essa operação, o sistema irá gerar novamente um relatório, mas dessa vez dentro de uma planilha Excel.

 Dashboard com Dados do Protheus 12: Relatório gerado em formato Excel.

Figura 7 – Relatório gerado em formato Excel.

Dentro do arquivo, terão duas planilhas: “Parâmetros do relatório” e “Itens do pedido”. Dashboard com Dados do Protheus 12: Planilhas: “Parâmetros do relatório” e “Itens do pedido”.

Figura 8 – Planilhas: “Parâmetros do relatório” e “Itens do pedido”.

Repare que, nesse formato Excel, o relatório está um pouco mais limpo.

Por isso, é importante utilizar o formato planilhas, pois será mais fácil para o Power BI trabalhar com esse relatório.

Vamos para a segunda planilha, que realmente nos interessa.

Há vários campos importantes, por exemplo:

  • Número do pedido;

  • Nome do cliente;

  • Datas de emissão dos pedidos;

  • Código do produto;

  • Descrição do produto;

  • Estoque disponível;

  • Saldo;

  • Quantidade liberada;

  • Quantidade bloqueada; 

  • Preço unitário;

  • Valor de entrega;

  • Data de entrega.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Campos: número do pedido, nome do cliente e data de emissão dos pedidos.

Figura 9 – Campos: número do pedido, nome do cliente e data de emissão dos pedidos.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Campos: código do produto, descrição do produto, estoque disponível e saldo.

Figura 10 – Campos: código do produto, descrição do produto, estoque disponível e saldo.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Campos: quantidade liberada, quantidade bloqueada e preço unitário.

Figura 11 – Campos: quantidade liberada, quantidade bloqueada e preço unitário.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Campos: valor de entrega e data de entrega.

Figura 12 – Campos: valor de entrega e data de entrega.

E muito mais informações, que vamos utilizar naquele modelo de dashboard.

Depois de gerar um relatório no formato Excel, iremos começar a trabalhar diretamente no Power BI.

Como importar a planilha no Power BI

O primeiro passo para criar o dashboard é importar aquela planilha para o Power BI.

Para isso, eu terei que salvar aquela planilha, que continua aberta no meu computador.

Entretanto, ao clicar em salvar, aparece uma mensagem, informando que alguns recursos da minha pasta de trabalho podem ser perdidos se o arquivo for salvo como “Planilha XML 2003”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Mensagem que aparece ao clicar em salvar.

Figura 13 – Mensagem que aparece ao clicar em salvar.

O arquivo está nesse formato, porque é o utilizado pelo Protheus ao exportar uma planilha.

Portanto, eu preciso alterar esse formato, antes de salvar a minha planilha.

Para isso, eu vou seguir esses passos:

Salvar como 🡪 Selecionar pasta 🡪 Alterar formato do arquivo para “Pasta de trabalho do Excel” 🡪 Salvar.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Alterando o formato do arquivo.

Figura 14 – Alterando o formato do arquivo.

Logo após seguir esses passos, eu já posso fechar a minha planilha e voltar para o Power BI.

De volta ao Power BI, eu irei importar aquela planilha para dentro do sistema.

Para isso, eu irei selecionar “Obter dados”, depois clico em “Excel” e abro o arquivo que eu quero.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Clicando em

Figura 15 – Clicando em “obter dados” e em seguida em “Excel”.

Repare que dentro do arquivo há duas planilhas: a de parâmetros e a de itens do pedido.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Planilhas: parâmetros e itens do pedido importado no Power BI.

Figura 16 – Planilhas: parâmetros e itens do pedido importado no Power BI.

Entretanto, só iremos trabalhar com a planilha “Itens de pedido” para esse dashboard.

Em seguida, seleciono “Transformar dados”, e logo o sistema abre para mim o Power Query.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Tela do Power Query.

Figura 17 – Tela do Power Query.

Mas, como o intuito é explicar de forma rápida como é feita a transformação do relatório para Dashboard, eu não irei efetuar muitos tratamentos nessa parte.

Portanto, a única coisa que irei fazer é transformar a primeira linha em cabeçalho.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Primeira linha transformada em cabeçalho.

Figura 18 – Primeira linha transformada em cabeçalho.

Repare que algumas mudanças ocorreram.

Por exemplo, a coluna de “Pedido” foi transformada de carácter para numérico.

Enfim, após fazer essa mudança, eu clico em “Fechar e aplicar”.

Agora que temos as informações do relatório importadas no Power BI, podemos começar a montar o nosso dashboard.

Observação: você consegue visualizar as informações da planilha que você está usando do lado direito da tela.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Informações da planilha.

Figura 19 – Informações da planilha.

Como criar o dashboard com dados do Protheus 12?

O primeiro passo para criar o dashboard é incluir um fundo.

Então, para fazer isso, você deve clicar em “Formato”, ir para a opção “Segundo plano da página” e, em seguida, clicar em “Adicionar imagem”. 

Dashboard com Dados do Protheus 12: Opção

Figura 20 – Opção “segundo plano da página”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Adicionando a imagem de fundo.

Figura 21 – Adicionando a imagem de fundo.

Dentro da pasta “Documentos”, você irá escolher a imagem que deseja para o fundo do seu dashboard e lembre-se que ela deve estar em formato Jpeg.

No meu caso, eu irei utilizar o modelo que criei durante as aulas do Power Point.

Se a sua imagem não aparecer quando você já tiver selecionado o fundo, não se preocupe, pois basta diminuir a transparência da imagem de 100% para 0%.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Fundo do Dashboard adicionado.

Figura 22 – Fundo do Dashboard adicionado.

Assim, com esse primeiro passo, parte do nosso dashboard já estará montado.

Em seguida, vamos montar o primeiro gráfico: o de colunas clusterizado.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Adicionando o gráfico de colunas Clusterizado.

Figura 23 – Adicionando o gráfico de colunas Clusterizado.

Quando eu clico no gráfico, automaticamente ele já aparece no meu dashboard.

Depois, basta você ajustá-lo, seguindo o layout do seu fundo.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Gráfico 1 ajustado.

Figura 24 – Gráfico 1 ajustado.

Logo depois de incluir e ajustar esse primeiro gráfico, iremos preencher as suas informações.

Primeiramente, vamos alterar o eixo que será o campo “descrição” e os valores que será o campo “saldo”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Eixo e valores alterados.

Figura 25 – Eixo e valores alterados.

Por fim, incluídos esses dados, iremos finalizar esse gráfico.

Para isso, eu clico em “Formato”, “Tela de fundo” e aumento o percentual de transparência, tirando o fundo branco.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Fundo do gráfico alterado para 100% transparente.

Figura 26 – Fundo do gráfico alterado para 100% transparente.

Agora, precisamos alterar algumas cores, para que as informações se destaquem no fundo que nós temos.

Ainda em formatos, eu clico em “Cores dos dados”, vou na parte de “Personalizar cor” e seleciono o tom que desejar, que nesse caso será verde.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Cor dos dados alterados.

Figura 27 – Cor dos dados alterados.

Em seguida, eu clico no “eixo x”, e altero a cor dele para branco, melhorando a visualização dos produtos.

Além disso, desativo o título do “eixo x”.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Cor do eixo x alterado e título do eixo x desativado.

Figura 28 – Cor do eixo x alterado e título desativado.

Depois, faço a mesma coisa no eixo y: altero a cor e desativo o título.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Cor do eixo y alterado e título do eixo y desativado.

Figura 29 – Cor do eixo y alterado e título desativado.

Para finalizar a formatação, eu irei alterar o título do gráfico de “Saldo: Descrição” para “Saldos a entregar por produto”.

Além disso, mudo também a cor do título para branco te peço para centralizá-lo.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Título alterado e gráfico 1 finalizado.

Figura 30 – Título alterado e gráfico 1 finalizado.

Agora, iremos incluir o próximo gráfico: o de rosca.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Adicionando o gráfico de rosca.

Figura 31 – Adicionando o Gráfico de rosca.

Para isso, sigo os mesmos passos anteriores: 

  1. Seleciono o gráfico;

  2. Ajusto o gráfico seguindo o layout do fundo;

  3. Escolho a legenda que, nesse caso, será o nome dos meus clientes;

  4. Escolho os valores que, nesse caso, serão os meus pedidos.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Informações do segundo gráfico adicionadas.

Figura 32 – Informações do segundo gráfico adicionadas.

Em seguida, iremos formatar também desse gráfico.

Primeiro, clico na tela de fundo e mudo a transparência para 100%.

Além disso, irei alterar a cor da legenda e dos rótulos para branco.

Em seguida, ajusto o título, que nesse caso será “Distribuição de pedidos por clientes”.

Por fim, mudo a cor do título para branco e peço para centralizar.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Gráfico 2 finalizado.

Figura 33 – Gráfico 2 finalizado.

Assim, já temos dois gráficos montados no nosso dashboard com dados do Protheus.

Dashboard com Dados do Protheus 12: Dashboard com 2 gráficos.

Figura 34 – dashboard com 2 gráficos.

Conclusão

Por fim, espero que você tenha aprendido um pouco sobre como construir um dashboard com dados do Protheus com esse artigo.

Não esqueça de acompanhar os próximos vídeos do nosso canal

Por lá, daremos continuidade na montagem dos gráficos e começaremos a incluir as informações dos nossos cartões.

A RFB Sistemas é uma consultoria e escola focada em treinamentos, especializada em formar profissionais das ferramentas Microsiga Protheus e RM da Totvs, além de Power BI e Excel da Microsoft. Não fique de fora, desenvolva seu potencial, faça parte do nosso grupo de alunos!

 

Quer conhecer nossos treinamentos? Então, Clique aqui!

Se estiver procurando consultoria, basta clicar aqui!

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *